sexta-feira, 17 de junho de 2016

FPM cai 22% e 41 municípios ficam com saldo zerado



O primeiro repasse do FPM (Fundo de Participação dos Municípios) do mês de junho, feito dia 10.06.16, foi com redução de 22%, já considerada a inflação do período, em comparação com o mesmo decêndio do ano passado.
“Infelizmente essa redução não é exclusividade do mês de junho. Estamos acumulando graves quedas nos repasses do governo federal e isso é péssimo para os municípios, pois desestabiliza o equilíbrio financeiro das cidades e consequentemente o funcionamento dos serviços oferecidos à população”, comentou  o presidente da Femurn (Federação dos Municípios do RN), Ivan Júnior, prefeito de Assú. Considera que “a valorização aos municípios só poderá ocorrer com a efetivação de um novo pacto federativo”,.
41 cidades potiguares tiveram o saldo zerado no primeiro decêndio de junho de 2016:
AFONSO BEZERRA
ALTO DO RODRIGUES
ANTÔNIO MARTINS
AREIA BRANCA
BARAÚNA
CAICÓ
CARNAUBAIS
EXTREMOZ
FELIPE GUERRA
FLORÂNIA
GOV. DIX-SEPT ROSADO
GROSSOS
IELMO MARINHO
JANDAIRA
JANDUIS
JARDIM DO SERIDÓ
JOÃO CÂMARA
LAGOA D ANTA
MARCELINO VIEIRA
MARTINS
MAXARANGUAPE
NOVA CRUZ
PARAÚ
PARAZINHO
PARNAMIRIM
PAU DOS FERROS
PEDRA GRANDE
PEDRO AVELINO
PEDRO VELHO
PENDÊNCIAS
PUREZA
RIO DO FOGO
SANTANA DO MATOS
SÃO JOSÉ DE MIPIBU
SÃO RAFAEL
SÍTIO NOVO
TIBAU
TRIUNFO POTIGUAR
UMARIZAL
VÁRZEA
VENHA VER.
Além dos municípios com saldo zerado, as cidades de Jardim de Angicos, Pilões e Jundiá tiveram saldo de R$ 1.100,00, R$ 1.900,00 e R$ 2.000,00, respectivamente, neste decêndio.

0 comentários:

Postar um comentário